Pesquisar este blog

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Imitadores de Cristo

 “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo” (I Coríntios 11:1)

O próprio Cristo deu o exemplo de como fazer discípulos, vivendo com eles para que eles seguissem seu exemplo após a sua partida.
A tendência nossa é de falar para nossos conhecidos que eles devem seguir a Jesus e não ao nosso exemplo.
Será que Paulo estava errado em sua afirmação no versículo acima? 
Gostaria de podermos compartilhar um pouco mais sobre este assunto na nossa célula esta semana.

Textos auxiliares:
·      I Coríntios 10: 23 – 33 (para entender o contexto).
·      I Co 10: 12-13
·      Rm 1: 16-17
·      Ef 2:10
·      Este texto, que coloco a seguir, foi tirado de uma pregação que escutei, porém não sei sua autoria:

O olho é melhor aluno que o ouvido
“Prefiro antes ver a ouvir um sermão
Prefiro que a pessoa ande comigo à meramente mostrar-me o caminho
O olho é aluno melhor e muito mais disposto que o ouvido
O bom conselho é confuso, mas o exemplo é sempre claro
O melhor de todos os mestres é o que vive o que ensina
Ver as coisas boas postas em ação é o que todo mundo precisa
Logo aprenderei como fazê-lo se você me deixar ver como se faz
Posso ver suas mãos em ação, mas sua língua pode correr de mais
E as palestras que você faz podem ser muito sábias e verdadeiras
Mas prefiro aprender minha lição observando o que você faz
Pois eu posso entender mal os sublimes conselhos que você dá
Porém não há mal entendido na maneira que você age e vive
O olho com certeza é melhor aluno que o ouvido.”       Autor desconhecido

Perguntas auxiliares:
·      Você crê que aquilo que Paulo falou poderia ser dito por você para seu colega mais próximo?
·      Qual a dificuldade que temos de sermos testemunhas vivas?   
·      O que isso tem a ver com Mt 5: 13 – 16?
·      Como está o meu testemunho em casa?(Pv 22:6)
·      No trabalho, escola,...
·      Como sei que sou humano e em conseqüência falho, qual o meio de ter um testemunho de vida de um imitador de Jesus?
·      Será que não está na hora de deixar de tentar viver uma vida certinha e deixar que Cristo, verdadeiramente, viva em mim?

AndersonK1

Projeto Paul Washer

video

Por : Paul Washer
Website: voltemosaoevangelho.blogspot.com

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Conversando sobre Namoro Cristão (parte II)

Namoro iniciado por atração física:

2Sm 13: 1-15 – Tamar e Amnom.

- Cara, mas isso não foi um namoro.

Você tem razão caro leitor. Isso foi o que se chama de uma ficada mal sucedida.

- Como assim?

Vamos olhar com calma a história do depressivo Amnom. Pobre, coitado. Era apaixonado por Tamar, que nem sabia que ele existia. Ela era muito bonita e virgem, segundo o texto. O cara tava verdadeiramente sofrendo de amor por sua meia irmã, a ponto de despertar pena de seus amigos, vendo que ele estava tão abatido e deprimido. Ou seja, o cara tava sofrendo de amor, amava tanto a Tamar a ponto de ficar deprimido. Talvez se fosse hoje teria que ir a algum psicólogo, fazer terapia ou precisar de ajuda de pastores e líderes.
O que o cara fez. Ele estava apaixonado. Logo, fez de tudo para ter sua amada. Atraiu ela com uma história de doença, se fez de coitado até conseguir a atenção dela e ficar sozinho com ela. Após isso, como você conhece a história, teve relação sexual com ela. E o mais grave de tudo, a Bíblia fala que após ele ficou com uma forte aversão a Tamar, aversão esta que era mais forte que a paixão que sentira.
Você conhece alguma história parecida com essa entre seus conhecidos? Talvez não tão violenta como esta.
Para você que está pensando em namorar, saiba que nem sempre você pode confiar que o sentimento de hoje de uma pessoa será verdadeiro até o fim, principalmente se o interesse for ao corpo. Quer melhor exemplo do que houve neste texto acima.

- Mas ele a amava ou não????

Cara eu creio que sim. Porém é um amor tipo Eros, um amor erótico. Antes de você ter uma idéia errada, vou tentar explicar este tipo de amor. Platão define amor (Eros) dizendo que você ama aquilo que você não possui, e no momento que tem, deixa de amar. Isso é um amor erótico ou platônico.

- Você ta me enrolando, não entendi nada.

Vou exemplificar para deixar mais claro. Isso é o mesmo quando você esta morrendo de fome, com vontade de ir numa churrascaria, fica esperando ansiosamente na fila e não vê à hora abençoada de chegar o almoço. Quando você senta a mesa, fica esperando aquela picanha que parece que nunca passa, começa beliscando um coraçãozinho, linguiçinha, até que enfim vem àquela preciosa picanha, uma delícia (como diria um amigo meu, é quase o céu antecipado). Você experimenta uma, duas, três... na sétima já vai meio arrastada, na décima vez que o garçom passa com a picanha você já nem consegue mais ver a carne na sua frente. Parece que perdeu aquela paixão. Acabou o amor.
Não entendeu. É o mesmo que ocorre quando você quer comprar um carro novo ou um Playstation novo. Você ama aquele carro ou aquele videogame até o momento de tê-lo, depois que tem você já não vê à hora de trocar pelo modelo novo.
Este é o amor platônico que hoje em dia é muito visto como sendo o motivo de novos relacionamentos e namoros. Este tipo de amor é muito fácil de ser abandonado, pois depois de ter aquilo que desejo deixo de amar.
Infelizmente vemos muitos relacionamentos deste tipo mesmo dentro das nossas igrejas. De pessoas que vão atrás de relacionamentos esperando algo embasado naquilo que vejo e desejo da outra pessoa, principalmente no físico. Tem muitas pessoas (tanto meninos como meninas) que chegam com a falsa ilusão de um amor tremendo, até mesmo doentio, com necessidade de ter o amor do seu (sua) amado (a), que após a conquista dela acaba deixando a mesma, pois agora já consegui o que queria e já deixei de amar.
Por isso minha amada irmã e meu amado irmão, não se deixem enganar pelas armadilhas deste mundo. Guarde-se para seu companheiro até o casamento, aproveite o namoro para conhecer melhor um ao outro, tenham momentos de oração juntos, conversem bastante, tenham momentos familiares juntos, convivam com as famílias uns dos outros; aprendam a serem mais do que amigos.

Continua...
AUTOR: Anderson Caum

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Você encontrará satisfação em Deus

BOM DIA CÉLULA  

vamos refletir um pouco.

Isaías-55: 1-3

Você já tentou receber seu dinheiro de volta depois de não gostar de um produto comprado?

Mesmo que o vendedor diga a famosa frase “Satisfação garantida ou seu dinheiro de volta!”? 

Pois é! Satisfação é um produto a ser procurado, a ser perseguido pelo ser humano. 

Talvez você seja uma pessoa a procura de satisfação.
Você está insatisfeito com o seu casamento, com o seu emprego, com a sua vida sentimental, com o seu corpo, com a sua igreja, talvez até mesmo com Deus. 

Sera que você pode encontrar satisfação em todas as áreas da sua vida, sem encontrar primeiramente satisfação em Deus?

Autor : Paulo Araldi

Conversando sobre Namoro Cristão (parte I)



Conversando sobre namoro (parte I)


Quando falamos na igreja sobre namoro já vêm aquelas perguntas de sempre, que até mesmo você pode já estar fazendo:


- O que você vai falar de namoro se na bíblia não existe nada falando especificamente de namoro? Você tá querendo cortar o barato da coisa, tá querendo vir com os não pode de sempre. Deve ser aquele papo de crente...


Por isso mesmo que não vamos falar de namoro somente, mas de princípios para o início de um relacionamento cristão com outra pessoa.
O que significam princípios. Vamos ver no Aurélio:
 S.m.pl. Regra da conduta, maneira de ver. / Regras fundamentais admitidas como base de uma ciência, de uma arte etc.
Quando o Senhor deu a Moisés os mandamentos não foi no sentido de cortar o barato deles, mas para dar um padrão de como seria a melhor maneira deles viverem. Assim do mesmo jeito o Senhor também nos ensina quanto à melhor maneira de iniciarmos um relacionamento a dois.
O sentido desta conversa não é para definir um modelo de namoro quadradinho para você, cheio de não podes, mas que você tenha outra idéia de namoro, podendo sim exercer a sua liberdade de escolha. Deus te deu essa liberdade, não sou eu que vou cortar isso de você, mas saiba ainda que nem mesmo o que eu vou falar é verdade absoluta. Seja um bereano, vá na Palavra, busque no Senhor, não queira receber tudo pronto. Porém vamos conversar um pouco e retenha o que é bom para suas decisões futuras, sabendo que aquilo que você plantar na adolescência será colhido no seu futuro.


Bom, vamos lá.
Quando pensamos em namoro devemos primeiramente ter em mente como um início de um relacionamento duradouro, que tenha seu início aqui e tenha frutos no reino de Deus (seja como um casamento, frutos espirituais na vida dos outros...). O namoro deve ter acima de tudo uma idéia de semeadura para um futuro, sabendo que não é o fim em si, como namoro, mas que seu fim seja o casamento ou uma família preciosa para o Senhor (Gl 6:7-9), ou até mesmo caso não siga com o casamento, que gere uma amizade sem feridas nas vidas dos envolvidos.


- Tá bom... Só você sabe disso... Cara eu quero saber como vou escolher a namorada certa? Posso começar a namorar? Posso ir até onde no namoro? Essas coisas sabe...


Ei amigo, calma, parece um adolescente que quer tudo para ontem...
Antes de falarmos sobre o relacionamento a dois, devemos saber um pouco sobre quem são esses dois que irão se relacionar.


- Como assim? Não tô entendendo.


Antes de falarmos de relacionamento devemos ter consciência de quem somos. O homem é um espírito, que tem uma alma e habita em um corpo.


 – Cara, você deve estar maluco, disse que ia falar sobre namoro e está falando de corpo, alma e espírito... Que negócio é isso? Você tá falando de namoro ou teologia???


Calma lá meu querido, já explico.
Vamos primeiro entender algumas coisas sobre você e sua (ou seu) namorada (o). O homem foi criado por Deus como um ser eterno. Porém querido leitor, você há de concordar comigo que não existe ninguém vivendo eternamente com este mesmo corpo que nasceu e cresceu, ou melhor, o seu corpo tem um prazo de validade e que vai envelhecendo com o tempo, logo este seu corpo não é eterno.
Você então como inteligente que é, começa a pensar:


- Se este corpo um dia vai morrer, o que em mim é eterno?


Quando vemos a afirmação bíblica de que quem está em Cristo nova criatura é as coisas velhas já passaram eis que tudo se fez novo...


- Pera ai... Pare tudo!!! Eu sou crente, e não virei “Railander”, depois que aceitei a Jesus. Continuo vendo velório e gente morrendo, mesmo aqueles que são cristãos. Como você quer me disser que em Cristo sou eterno, que em Cristo posso viver eternamente?


Meu querido leitor, isso foi o que Jesus falou para Nicodemos (Jo 3) quando disse que era necessário nascer de novo. Você tem que nascer no seu espírito, tem que ter uma vida espiritual nova. Essa sim tem tudo para ser eterna. O seu espírito é onde tem contato direto com o Senhor, que é um ser eterno.


- Beleza! To começando a entender... Você ta dizendo que a vida eterna se faz no nosso espírito! Tá bom... Mas o que isso tem a ver com namoro, continua muito teológico e pouco prático.


Não sei por que, mas todo mundo que pensa em namoro quer tudo muito rápido... Calma cristão, já explico. Não vou aprofundar muito em relação a corpo, alma e espírito agora, porém lembre-se disso que será útil para frente.


Quando iniciar


- Beleza então, vamos ao que interessa, quando que eu posso começar a namorar??? Ou você ta dizendo que por eu ser eterno devo namorar só na eternidade, rsrsrs???


Amado apressadinho, na Bíblia o Senhor fala que há tempo para tudo (Ec 3: 1-8) e com certeza há tempo para começar a namorar e tempo de ser amigo. Tempo de noivar e tempo de casar. Para saber o tempo certo, devemos voltar ao relacionamento pessoal, que é início do namoro. Todo namoro legal começa com um relacionamento legal, desde a fase de amizade até o namoro em si.
Se você pensa em iniciar um namoro antes de tudo comece tendo vários amigos, e amigas. Aprenda a se relacionar com pessoas, a ser amável com todos, isso é um princípio cristão, aprender a amar o próximo como a ti mesmo.
Você pode notar que quando chega querendo ser mais do que amigo de alguém, você passa a não ser mais você mesmo, pois começa a querer ser perfeito aos olhos da outra pessoa e deixa de ser você mesmo, diferente de quando é só amigo. Logo uma grande dica é ser amigo de todos e baseado naquilo que você vê de interessante iniciar suas escolhas. Pois ai você terá também padrões certos para sua escolha, pois a sua amiga age normalmente com você, você consegue ver como ela trata seus pais, seus outros amigos, seus colegas de escola, trabalho e igreja, e principalmente como é seu relacionamento com Deus.
Uma das grandes dificuldades que temos é que não sabemos ter relacionamentos sem segundas intenções, nem mesmo com Deus. Queremos nos aproximar de quem pode ter algo para dar-nos. Esta é uma das dificuldades que você cristão tem de encontrar alguém para namorar.
Nisso é que faz toda a diferença você saber quem você é, de saber que você é um espírito, que vive em um corpo e possui uma alma.
A princípio se você espera ter um relacionamento duradouro você precisa investir primeiramente em algo que seja semeado na eternidade, ou seja, terá que semear no espírito. Teu namoro deverá iniciar visando um relacionamento que tenha um mesmo sentido de eternidade com seu namorado. Por isso que é tão falado não estar em jugo desigual, pois o Senhor sonha com um relacionamento duradouro, e sabe que só pode ser feito em um vínculo espiritual. (continuamos a falar disso mais tarde).


- Ta bom cara... Mas eu queria saber se já tenho idade para namorar? Tem algum tempo certo para isso?


Como a gente estava falando, idade certa, marcada, não tem. Uma das coisas que você deve ter em mente é que esse negócio de adolescente (teen ager) é algo extremamente novo na história, vem da metade do século passado. Antes disso só existia criança e adulto, ou seja, ou você estava brincando de boneca e carrinho ou você já estava trabalhando, ajudando em casa e após escolhendo alguém para dividir uma vida com você para sempre (casamento).
Quando vamos para o nosso mundo de hoje vemos adolescentes, que são essa faixa etária que querem ter direito de adultos e deveres de crianças, hoje em dia cada vez mais ampliada tanto os adolescentes precoces (10, 11 anos) assim como adolescentes tardios (30, 40 anos) que não querem deixar nunca a casa dos pais e serem sustentados por eles. 


- Cara isso é história ou namoro? Hei vamos falar o que interessa, ta?


Você precisa saber de história para entender porque antes não existia namoro.
E na Bíblia não fala nada sobre data certa, mas fala que é melhor você casar que viver abrasado (I Co 7:9). É melhor você casar do que viver nos amassos por ai como namorado. Ou seja, se não é bom ficar só de amasso, não convém você namorar por muito tempo, para não correr o risco de pecar.


- Cara, entendi tudo, vou agora falar com meu pai que vou me casar amanhã com a minha namorada, porque você falou que não posso namorar muito tempo e tenho que casar!!!!


 Heiiiiiiiii, calma lá seu bisonho (expressão usada no exército que quer dizer inexperiente). Volto a dizer que as escolhas são suas. O que estou falando é que não convém você iniciar um namoro muito cedo. Assim como antigamente, vale à pena iniciar um relacionamento quando você tem alguma perspectiva futura de poder se sustentar e iniciar um relacionamento duradouro, caso contrário será somente para satisfação da sua carne, um prazer momentâneo que tem tudo para te dar dor de cabeça futura.


Como você já falou de escolha vamos falar um pouco sobre suas escolhas.


CONTINUA...

Autor: Anderson Caum

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Criados para boas obras em Cristo

 

Oi célula!!!!
Achei muito legal o texto que o Paulo escolheu para abertura do culto neste último domingo e gostaria de podermos conversar um pouco mais sobre ele.
O versículo é Efésios 2: 10
“Pois somos criação de Deus, realizada em Cristo Jesus para vivermos em boas obras, as quais Deus preparou no passado para que praticássemos hoje.” (versão King James)

Perguntas auxiliares:
- qual o motivo pelo qual você foi criado?

- como você entende que a realização da sua criação se dá em Cristo?

- você consegue praticar boas obras somente para você mesmo? Ou será que desde o principio Deus colocou em seu plano a necessidade de vivermos em sociedade para agirmos para o bem uns dos outros?

- será que essa boa obra eu faço porque quero? Ou faço porque Deus fez algo por mim antes?O que Paulo (apóstolo, não o gringo, rsrsrsrsrs) quis dizer quando ele afirma que foi realizado em Cristo Jesus o vivermos em boas obras?

- qual a relação do versículo acima e o texto de Mateus 5: 14-16, onde Jesus fala para sermos luz do mundo?

Textos auxiliares:
- 2 Coríntios 5: 17
- Gálatas 5: 22 – 25
- Mateus 5: 14 – 16
- Tiago 2: 14 – 18
Autor: Anderson Caum

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Dracma Perdida

Lucas 15 : 8-10


Jesus utiliza um fato natural para refletir uma verdade espiritual.
Uma aplicação clara é ao pecador que se arrepende e é reencontrado por Deus, e isso é feito nas 3 parábolas deste capitulo.
O que mais vc aprende com Jesus nesta parábola?    

Perguntas para auxiliar sua interpretação :
Que “valores” você pode ter perdido dentro de sua casa, ou em sua vida, que precisam ser resgatados?
Como fazer para resgatar os “valores” perdidos no lar?
Quais os meios utilizados (no texto) para resgatar o que havia sido perdido?